Cabelos Longos E Bonitos

12 May 2019 17:11
Tags

Back to list of posts

<h1>Cabelos Longos E Bonitos</h1>

<p>No tempo em que eu pensava a respeito do que escrever por esse texto introdut&oacute;rio a respeito da deputada estadual do Rio Grande do Sul Manuela D’&Aacute;vila, outra pol&iacute;tica, a vereadora Marielle Franco, foi falecida no Rio de Janeiro, em mar&ccedil;o. Fiquei sabendo do crime quase imediatamente pelo Instagram de Manuela, que se argumentou “chocada e triste” e avisava: “Ningu&eacute;m vai calar as mulheres que lutam, Marielle”.</p>

<p>Bem que oriundas de realidades distintas (uma &eacute; branca, ga&uacute;cha e filha de ju&iacute;za; a outra era negra, moradora da favela e homossexual), associei na hora suas hist&oacute;rias. Ambas passaram a vida militando, de forma especial, por direitos humanos e das mulheres. Manuela Pinto Vieira D’&Aacute;vila, que discursou numa manifesta&ccedil;&atilde;o contra o crime, &eacute; pr&eacute;-candidata &agrave; Presid&ecirc;ncia da Rep&uacute;blica pelo PCdoB. E a pauta “mulher” &eacute; um de E Voc&ecirc; Que Desfaz Das Inteligentes . Deputada federal duas vezes, em 2014 ela resolveu concorrer pra Assembleia Legislativa do Rio Extenso do Sul j&aacute; que tinha planos de tornar-se m&atilde;e - o que, verdadeiramente, aconteceu h&aacute; 2 anos e meio.</p>

<p>A ga&uacute;cha, que teve a inten&ccedil;&atilde;o de disputar a corrida presidencial anunciada exatamente no mesmo dia em que se casou com o m&uacute;sico Duca Leindecker, prometeu em tuas redes que o luto por Marielle vai se tornar tua briga. Dias antes do crime, ela havia conversado com a VIP por tr&ecirc;s horas. Mais alguns dias e a pris&atilde;o do ex-presidente Lula seria concretizada. Manuela estava ali, ao lado do l&iacute;der petista em seu &uacute;ltimo discurso antes do c&aacute;rcere. Nele, Lula destacou ela e Guilherme Boules, pr&eacute;-candidato &agrave; presid&ecirc;ncia pelo PSOL, como as lideran&ccedil;as pol&iacute;ticas que v&atilde;o levar adiante seu legado.</p>

<p>R&aacute;pida no racioc&iacute;nio, com o sotaque cheio de “tus”, marca de oralidade t&iacute;pica dos pampas, tratou a respeito pol&iacute;tica, a respeito de ser comunista hoje, maternidade e as aventuras nas quais o marido a coloca - como ter saltado de paraquedas. O an&uacute;ncio oficial de sua candidatura &agrave; Presid&ecirc;ncia aconteceu no dia do teu casamento. Este detalhe &eacute; engra&ccedil;ad&iacute;ssimo. Come&ccedil;ou a conversa no meu partido, o PCdoB, sobre isto n&oacute;s termos candidatos a presidente durante todo o ano anterior.</p>

<p>], jovem assim como, que me consultou se eu aceitava o desafio de ser quem disputaria. ], e no dia cinco estava marcado o meu casamento. Na hora em que eu estava indo encontrar o meu marido, no ambiente da celebra&ccedil;&atilde;o, recebi um torpedo: “A gente neste momento determinou pra imprensa a nota em que tu &eacute; a nossa candidata”. Eu: “Como desta forma, gente?</p>

<p>Minha lua de mel foi encantadora, uma noite s&oacute;. 8 Dicas De Maquiagem Pra Idosos interrompida pela candidatura presidencial. Conhe&ccedil;a T&eacute;cnica Com 540 Agulhas Aplicadas Na Pele De Luciana Gimenez; Encontre V&iacute;deos s&atilde;o 2 casamentos que a pessoa fez na exist&ecirc;ncia: um com o partido e um com o marido, celebrados no mesmo dia. Morte Por C&acirc;ncer De Pele Cresce 55% Em 10 Anos voc&ecirc; come&ccedil;ou a fazer a sua carreira, pensava em ser presidente?</p>

shutterstock_310832609.jpg

<p>Domina que eu nunca fiz um plano de carreira? Entrei na faculdade e me filiei a um partido pequeno, que &eacute; o PCdoB. Ser candidata a presidente n&atilde;o passava no horizonte de uma militante do meu partido. Achava que ia ser professora universit&aacute;ria, fiz 2 cursos superiores. ] Prestes. Ningu&eacute;m achava que eu ia me eleger.</p>

<p>Desse jeito minha carreira foi sendo formada bem mais a come&ccedil;ar por as coisas darem correto do que de um plano dentro da pol&iacute;tica - at&eacute; porque pol&iacute;tica n&atilde;o &eacute; uma carreira, tem a observar com representatividade. No momento em que comecei, o feminismo que existe hoje ainda n&atilde;o era materializado t&atilde;o intensamente. ] nas minhas redes de mat&eacute;rias feitas comigo - falo de 2004, 2006 - e penso que jamais hoje uma mulher seria submetida ao que fui.</p>

<ul>
<li>Mudan&ccedil;as hormonais, como as do tempo menstrual</li>
<li>&laquo; M&aacute;scara de Jaborandi L’Officer: Tratamento potente pra cabelos ressecados e quebradi&ccedil;os</li>
<li>Alongamento de cadeia posterior em MMSS</li>
<li>Maquiagem mais leve</li>
</ul>

<p>No m&iacute;nimo n&atilde;o de forma oficial nos grandes ve&iacute;culos de intercomunica&ccedil;&atilde;o. Todas as mat&eacute;rias ao meu respeito, 100% delas, destacavam s&oacute; a est&eacute;tica. “A musa do Congresso”. A toda a hora isto. E n&atilde;o a minha trajet&oacute;ria real, algu&eacute;m que era da UNE, que n&atilde;o tem pai ou m&atilde;e pol&iacute;ticos, uma coisa que no Brasil &eacute; rar&iacute;ssimo.</p>

<p>Incomodava na data ou s&oacute; &eacute; uma quest&atilde;o que sem demora voc&ecirc; olha e pensa: como isso aconteceu? Tu est&aacute; certa nas duas coisas. Isto me incomodava muito, contudo como n&atilde;o existia um acolhimento muito grande na popula&ccedil;&atilde;o ao meu inc&ocirc;modo, hoje percebo com muito mais intensidade ao que eu fui submetida.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License